sociais

logos

Cresce Brasil

Receber mais esse voto de confiança da categoria, com a reeleição em São Paulo à frente da chapa Trabalho-Integração-Compromisso é motivo de grande alegria. Trata-se também de enorme responsabilidade, sobretudo no atual momento da vida nacional.

 Eleicao Chapa Cetic

A chapa Trabalho-Integração-Compromisso, que tenho a honra de integrar como presidente, foi reeleita, no pleito realizado pela internet entre os dias 12 e 14 de abril, para dirigir o Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo (Seesp) no mandato 2022-2025. Diante de mais esse voto de confiança da categoria, abraçamos com alegria e otimismo a missão que nos é conferida, ainda que com plena consciência dos enormes desafios que temos à nossa frente, desde já e que provavelmente estarão presentes ainda no início do ano que vem, quando se inicia a próxima gestão.

A pandemia do novo coronavírus hoje é o centro das nossas preocupações e deve, portanto, ser o objeto principal da nossa atuação, seja a emergência sanitária em si ou as extremas dificuldades socioeconômicas agravadas fortemente por ela.

Nesse sentido, é nosso papel agir para contribuir com o combate coletivo à disseminação da doença e para que os que a contraírem tenham o melhor atendimento existente. Ou seja, defender as medidas de distanciamento social, o acesso à vacina para todos e recursos à saúde pública para que os pacientes tenham tratamento adequado. Há que se brecar a escalada assustadora de morte, já acima dos 370 mil brasileiros.

Ponto fundamental é que haja apoio financeiro para que as pessoas possam permanecer em casa. A reedição do auxílio emergencial em valores muito reduzidos e por prazo limitado não atende essa demanda. Por isso defendemos que o Congresso Nacional vote a Medida Provisória 1039, que aguarda apreciação, alterando-a para assegurar ao menos os R$ 600,00 pagos em 2020 pelo período que forem necessários.

Enquanto nos empenhamos, verdadeiramente, para controlar o caos da pandemia, é preciso também pensar na retomada do País, missão na qual a engenharia nacional tem muito a colaborar e deverá ter protagonismo. O Seesp, juntamente com a FNE e demais sindicatos filiados, mantém o seu engajamento nessa pauta de forma efetiva por meio do projeto “Cresce Brasil + Engenharia + Desenvolvimento”.

Nessa agenda, entra também a luta em defesa dos profissionais e por sua valorização junto às empresas, ao poder público e à sociedade como um todo. Os engenheiros, que vêm demonstrando a enorme importância de seu trabalho no enfrentamento e prevenção da Covid-19, terão papel central na recuperação da economia nacional, nos diversos setores, e devem ter o devido e necessário reconhecimento.

Com uma série de batalhas pela frente que nada têm de simples, mas convictos da capacidade da nossa categoria e da nossa entidade de travá-las, renovamos nosso compromisso de trabalhar em defesa dos engenheiros, prestar o melhor serviço possível aos nossos associados e participar de forma qualificada da luta pelo desenvolvimento nacional e bem-estar da população.

Muito obrigado!

Murilo Pinheiro – Presidente

 

Adicionar comentário


logoMobile