sociais

logos

Cresce Brasil

“Nesse momento, se há um modo positivo de registrar a data é lembrar o óbvio, isto é, que os professores têm papel fundamental no aprendizado essencial à formação intelectual e profissional, mas, também na formação de uma mentalidade democrática e diversa”

Fonte da ilustração: site DemonstreFonte da ilustração: site DemonstreÉ impossível não observar que, neste ano de 2018, a data comemorativa do Dia do Professor ocorre em um dos momentos mais conturbados da história do País. Para onde quer que se olhe, nos bares, nos salões de cabeleireiro, nos grupos de discussão das redes sociais, nas famílias, na mídia internacional, nos e-mails recebidos de colegas e amigos do exterior conflito irrompe com tal intensidade e, às vezes, violência, que nos perguntamos, espantados, como foi que chegamos a esse ponto.

Certamente, nos próximos anos, os especialistas, cientistas políticos, sociólogos, psicólogos sociais, vão dissecar esse momento e formular explicações. Mas hoje, mesmo quando a praxe é enaltecer a categoria profissional que comemora sua data, é impossível não constatar que falhamos na missão de construir valores básicos comuns a toda sociedade. Valores que estejam presentes na família e na escola, os dois espaços primordiais da educação. Entre eles o valor do respeito ao ser humano. O respeito às diferenças de gênero e à diversidade étnica e social.

Nesse momento, se há um modo positivo de registrar a data é lembrar o óbvio, isto é, que os professores têm papel fundamental no aprendizado essencial à formação intelectual e profissional, mas, também na formação de uma mentalidade democrática e diversa. É pela prática, pelo exemplo e pelo conteúdo gerado nas salas de aula que crianças e jovens podem aprender que algo é maior, tem mais valor do que as preferências pessoais, os modismos ou as ambições de ascensão no mundo social.

Democracia se aprende na escola, também. Talvez possamos tomar este Dia do Professor como um ponto de referência para os próximos anos, para essa grande tarefa que é construir a democracia brasileira.

Vanderlan Bolzani, professora titular do IQAr-Unesp e vice-presidente da SBPC

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

logoMobile